Sessão pipoca especial.

Imagem

Na semana do ano novo assistimos alguns filmes, mas um em especial nos conquistou, A Incrível História de Adaline.  Quando terminamos o filme não conseguimos dormir e ficamos conversando sobre ele. 

Depois recomendei para uma amiga que assistiu e veio me contar que não conseguiu dormir porque ficou pensando no filme e daí eu pensei: preciso falar desse filme no blog.

Se você gosta de drama, romance e um pouco de ficção, este filme é altamente recomendado, vou dizer o porquê.

Essa ficção começa contando a historia de uma jovem, chamada Adaline, que tem uma vida típica de mulheres que viveram no século XX. Ela se casa, constrói uma família, tem uma filha e vive normalmente, até que, após um acidente ela simplesmente para de envelhecer.

Junto com essa dádiva de ser jovem, bela e saudável Adaline percebe que com o fato de não envelhecer ela terá aos poucos que se despedir de todos aqueles que um dia já amou. Com essa nova realidade Adaline resolve esconder/alternar sua identidade e viver a vida só, sem se envolver intensamente com outras pessoas até que se apaixona novamente.

O restante será melhor degustar quando assistirem ao filme. O deslumbre pela eterna juventude é assunto pra muito papo noites a fora. Sem dúvidas, essas conversas renderam para a literatura e para sétima arte diversas obras, que por mais que sejam diferentes abordam o mesmo tema, a passagem do tempo. Recomendo para pensar no tema as seguintes historias:

– Sobre vampiros (Drácula de Bram Stoker, Entrevista com um Vampiro, Crepúsculo),
– Sobre Androides (O Homem Bicentenário),
– Sobre Homens “incomuns” (Doriam Gray, Benjamim Button).

Aproveite e depois volta aqui pra gente conversar sobre o filme.

Beijos e até a próxima.


CompartilheShare on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *